Entre papéis e pessoas

Entre papéis e pessoas

Quem já ouviu falar da Ana? Ana Claudia? Ana Claudia Camargo? Sim, não? Talvez? E da Koia? Já ouviu?! Simmmmm!!! Com muita alegria inauguramos a nossa nova editoria Gente do Múltiplo, que irá contar ao longo do ano as histórias de nossos colaboradores. E para este lançamento, convidamos a tão querida Koia, colaboradora mais antiga da casa – 18 anos de Múltiplo. Uau!

A história da Koia com o nosso Colégio começou em 2003: sua família era amiga da família da fundadora Dênia (mãe da Renata Toledo – atual diretora administrativa). Dênia e Marina (também fundadora e atual diretora pedagógica) estavam no começo das atividades, quando efetivaram a contratação. “Nada era informatizado, era o começo de tudo. Lembro-me que meu primeiro trabalho foi organizar a biblioteca. Era pequena e cataloguei todos os livros em fichas de papel, numerei um a um e separei por ordem alfabética. Foi uma loucura”, relembra.

Uma vez por semana, Koia atuava como bibliotecária atendendo os alunos. Além disso, era responsável por organizar um pouco de tudo. “Criei prontuários para os alunos, porque eles tinham umas fichas de papel que ficavam guardadas em uma caixinha de ferro verde, não me esqueço disso”, sorri. Era uma colaboradora ativa: um pouco recepcionista, financeiro, ajudava nas tarefas dos alunos do integral, fazia saída das crianças. “O que precisava, lá eu estava. Quando a Maria da limpeza faltava, eu também ajudava. Não dava para escolher o que fazer, o importante era auxiliar e eu faria tudo isso de novo”.

Uma vez um pai de aluno brincou com ela no portão: “Kóia, se cair um raio aqui, você está perdida!”, isso porque ela estava ajudando na saída das crianças, segurando o microfone em uma mão, o telefone sem fio em outra e o rádio pendurado na cintura. 

Os anos se passaram e Ana Claudia Camargo (apelido Koia) teve a oportunidade de conhecer cada pedacinho do Colégio e suas particularidades. Foi por conta desse mix de experiência que Koia é hoje a gerente administrativa. “Somos privilegiados, hoje temos a informatização e uma equipe de funcionários numerosa que nos permite uma produção com mais qualidade. Mas confesso que, às vezes, sinto saudades daquela época”, conta. 

Conciliando a vida profissional com a família

“Fui mãe aos 21 anos. A maternidade me trouxe um amadurecimento precoce e me favoreceu profissionalmente.  Quando comecei no Múltiplo o Pedro tinha 6 anos e a Laura 1 ano. Posso dizer que meus filhos foram muito felizes no colégio. Desde o início deixei claro que lá dentro eles eram alunos e não meus filhos e tudo foi muito tranquilo nessa experiência de ser mãe e funcionária, ao mesmo tempo, no mesmo lugar”, diz. Toda orgulhosa, ela divide conosco que hoje, seu filho Pedro, está com 22 anos, cursando o quarto ano de Medicina, e Laura com 18 anos também tem planos para ser médica. “Meus filhos são grandes bênçãos em minha vida”. 

Principal aprendizado

Juntos somos muito melhores!

Fatos que marcaram 

“Marina tinha uma ideia de fazer uma Feira Cultural totalmente informatizada e que chamasse a atenção. No início do projeto, em nossas reuniões, fiquei muito assustada com as tarefas, era quase impossível dar certo, mas chegou o evento e foi um espetáculo! O trabalho de toda uma equipe envolvida, empolgada e irradiante com o resultado maravilhoso que tivemos. Esse foi um dia interessante de muita alegria, muito sucesso!”, recorda. 

Entre muitos momentos marcantes, Koia se emociona ao falar do falecimento da Dênia. “Tive que dar a notícia para todos os alunos e funcionários reunidos em um pátio. Foi uma mistura de tristeza, emoção, enquanto eu falava sobre ela para as pessoas, meu coração enchia de amor e gratidão. Só de lembrar já me emociono”. 

Agradecimento especial

“No início eu trabalhava bem próxima da Dênia e ela foi para mim uma grande escola. Exemplo de educação, gentileza e compaixão com o próximo. A Marina me ensinou que precisamos ter garra, ser exigentes e ter um desejo enorme de chegar onde quisermos. A Renata é minha grande amiga e um pedaço de mim aqui dentro. Meu sentimento é de gratidão pela oportunidade de fazer parte dessa história. Adoro meu trabalho, meus colegas, o Múltiplo me permite ser melhor a cada dia”, finaliza Koia. 

Legenda: Festa Junina 2018 (Koia à esquerda e Renata Toledo à direita)