UNIDADE INFANTIL | 19 3256-3235 - UNIDADE FUNDAMENTAL | 19 3256-6724

07/08

Adaptação escolar

Aos Pais

A adaptação escolar é um período que requer cuidado e atenção especial. As mudanças nas rotinas diárias e novidades causam insegurança nas crianças e nos pais por deixarem seu filho tanto tempo em um ambiente diferente e com pessoas que não são do seu convívio. Para que o processo de adaptação seja menos traumático, acompanhe as dicas:

A adaptação escolar é um período que requer cuidado e atenção especial.

As mudanças nas rotinas diárias e novidades causam insegurança nas crianças e nos pais por deixarem seu filho tanto tempo em um ambiente diferente e com pessoas que não são do seu convívio.

Para que o processo de adaptação seja menos traumático, acompanhe as dicas abaixo:

  1. Programe-se para que possa ficar durante o periodo de adaptação,  que varia entre uma semana a um mês, algumas horas no colégio para se familiarizar com o espaço escolar,  professores e profissionais que estarão com seu filho.
  2. Conheça o método de ensino, a filosofia da escola, converse, alinhe e tire dúvidas sobre a adaptação. 
  3. Alguns dias antes siga os mesmos horários da escola, de sono e de alimentação.
  4. Se a criança for maiorzinha explique como funciona na escola e o que terá lá, leve para escolher o material escolar e até faça uma visita na escola.
  5. Quando sentir que a criança está explorando o ambiente escolar, aproveite para se afastar um pouco. Vá ao banheiro ou beber água, mas lembre-se de voltar como prometido.
  6. Faça a despedida brevemente, dizendo que irá embora, mas que em breve irá buscá-la. Esse é o momento mais delicado, já que a criança está chegando em um lugar novo com pessoas desconhecidas e que ficará um tempo longe de quem ela confia.
  7. Evite se despedir dizendo, por exemplo, que vai ao banheiro e vai embora. Essa não é uma atitude saudável, pois a criança perderá a confiança em você e ficará ansiosa a todo momento, achando que você vai embora.
  8. Em alguns casos a adaptação escolar está atrelada a volta ao trabalho da mãe, que pode gerar algumas angústias. Por isso adiante o processo para que você tenha tempo de ficar na escola durante esse período e voltar ao trabalho tranquila com seu filho adaptado.
  9. Nessa fase a criança costuma ficar bastante doente, o que é normal, mas pode atrapalhar ou atrasar a adaptação. Converse com o pediatra sobre a imunidade da criança.
  10. Converse com outras mães que já passaram ou estão passando essa fase, e mantenha a calma todas passam por isso.

Lembre-se de que essa é uma etapa importante para o desenvolvimento emocional do seu filho e que todas as crianças passarão pela adaptação, cada uma no seu tempo e a sua maneira.   

                                                                                                                           

Fonte:  Renata Toledo,  diretora administrativa do Colégio Múltiplo e psicóloga perinatal @legrataoficial.